O neofascismo no poder (ano I)

“À maneira desigual e combinada, o Brasil de Bolsonaro, neste primeiro ano de governo neofascista, se moderniza e se torna cada vez mais desigual, exibindo todo o caráter recente e simultaneamente decrépito do nosso capitalismo financeirizado, digital e on demand. As altas dosagens de machismo, homofobia e militarismo ajudam a conservar ativa e funcional a velha plantation, e, por detrás da máscara do moderno empreendedor e ativista da filantropia, não há senão o tacanho, sórdido e vetusto rosto do senhor de engenho de antanho. Se o futuro proposto por esses velhos-novos senhores é, em uma palavra, uma barbárie moderna (ou um futuro bárbaro), cabe então aos escravos do tempo presente a tarefa de construir um verdadeiro amanhã, no qual armas, opressões e Bolsonaros não poderão ter lugar senão nos livros e museus de História.

Essa hercúlea tarefa, para que seja ao menos tentada a sério, não pode prescindir de uma interpretação rigorosa do processo real, à escala estrutural e conjuntural, o que em linguagem marxista se costuma chamar de uma análise concreta de uma situação concreta. De modo lacunar e certamente dotado de imperfeições, é isso que, modestamente, a presente coletânea pretende oferecer ao leitor. Composta por artigos escritos no calor de um torvelino de acontecimentos, esta pequena obra tem como objeto de investigação justamente o governo neofascista de Bolsonaro em seu primeiro ano trágico e nada monótono, arriscamos dizer. A multiplicidade de fatos, questões e aspectos presentes neste início de governo praticamente impele seus eventuais intérpretes a fazer opções temáticas e recortes analíticos, dos quais evidentemente não pudemos escapar. Nesse sentido, o conjunto das reflexões aqui contidas oferece uma entre várias interpretações possíveis dentro da perspectiva marxista acerca do primeiro ano do neofascismo brasileiro no poder. A partir dos autores e assuntos selecionados, escolhemos um caminho interpretativo do governo Bolsonaro que nos pareceu, por ora, o mais interessante cientes, claro, de que, ao menos nesse caso, o caminho não é um só.” (Orelha do livro)

Ficha técnica
Título: O neofascismo no poder (ano I): análises críticas sobre o governo Bolsonaro
Organizadoras/es: Juliana Fiuza Cislaghi e Felipe Demier
Autoras/es: Ana Elizabete Mota, Carlos Zacarias Sena Júnior, Cleier Marconsin, Elaine Behring, Gilberto Calil, Guilherme Leite Gonçalves, Marcelo Badaró Matos, Mira Caetano, Tatiana Poggi e Valério Arcary
Editora: Consequência
Ano da publicação: 2019
Páginas: 240
Preço: R$ 40,00

Esse post foi publicado em Livros e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s