As lutas de classe na França de 1848 a 1850

Nesta obra, Karl Marx analisa um período longo e extremamente movimentado da história francesa, apresentando algumas experiências conceitualmente importantes da Revolução de 1848-1849 e seus resultados. Ao aprofundar o desenvolvimento da teoria do Estado e da teoria da revolução, o filósofo alemão chega à consciência fundamental de que a realização da tarefa histórica da classe trabalhadora é impossível no quadro da república burguesa, demonstrando que a ditadura do proletariado é uma fase de transição necessária para a abolição de todas as diferenças de classe, para a reconfiguração econômica da sociedade e para sua construção em uma ordem socialista. Marx também trata detalhadamente da situação e do papel do campesinato, fundamentando a necessidade de sua aliança com a classe operária.

Esta obra de Marx foi publicada pela primeira vez em 1850 como série de artigos na Nova Gazeta Renana, de Hamburgo, com o título “1848 a 1849”. No ano de 1895, Friedrich Engels produziu uma nova edição, à qual deu o título atual, As lutas de classes na França de 1848 a 1850, dotando-a de uma extensa introdução. A presente tradução , feita por Nélio Schneider, é baseada no texto dessa edição de 1895.

Fonte: site da editora da Boitempo

Ficha técnica
Título: As lutas de classe na França de 1848 a 1850
Autor: Karl Marx
Tradutor: Nélio Schneider
Editora: Boitempo
Ano da publicação: 2012
Páginas: 192
Preço: R$ 32,00

Esse post foi publicado em Livros e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s