Lenin e a dialética hegeliana

A editora da UFRJ lançou o 16º título da coleção Pensamento crítico. Desta vez o livro editado foi Cadernos sobre a dialética de Hegel, de Vladimir Illitch Lenin, com tradução do prof. José Paulo Netto. A edição conta com uma longa introdução escrita por Henri Lefebvre e Norbert Guterman.

Segundo a orelha do livro, “os Cadernos sobre dialética de Hegel, de Lenin, foram publicados inicialmente em 1929-1930. Conheceram, mais tarde, outras edições, constituindo parte importante dos chamados Cadernos filosóficos, todos de publicação póstuma. Redigidos logo após a eclosão da Primeira Guerra Mundial, durante o exílio suiço de Lenin, os Cadernos sobre dialética de Hegel assinalam uma inflexão fundamental no pensamento do líder da Revolução de Outubro: documentam a leitura original, rigorosa e crítica de Hegel, a partir da qual o líder bolchevique reelaborou a sua concepção da dialética (diferenciando-a daquela contida em Materialismo e empiriocriticismo, redigido em 1908 e publicado no ano seguinte)”.

Ficha técnica

Título: Cadernos sobre a dialética de Hegel
Autor: Vladimir Illitch Lenin
Tradução: José Paulo Netto
Editora: Editora da UFRJ
Ano da publicação: 2011
Páginas: 208
Preço: R$ 36,00

Esse post foi publicado em Livros. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s